São Paulo, 15 de junho de 2024

Apoio:

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

24/02/2024

Estoques industriais registram 3º mês de queda, aponta CNI

(25/02/2024) – A nova Sondagem Industrial da Confederação Nacional da Indústria (CNI) mostra queda dos estoques da indústria em janeiro deste ano na comparação com dezembro de 2023.

É o terceiro recuo consecutivo do indicador e foi mais intenso do que é considerado normal para o período. O índice de evolução do nível de estoques ficou em 48,6 pontos, 0,6 ponto abaixo da média histórica dos meses de janeiro.

“Essa sequência de quedas dos estoques permitiu a eliminação de um excesso de estoques indesejáveis que limitam a atividade da indústria”, afirma o gerente de Análise Econômica da CNI, Marcelo Azevedo. “A demanda certamente ficou um pouco acima do esperado, e eventuais novos aumentos irão se traduzir em mais atividade industrial, que terminou 2023 em queda”.

A pesquisa aponta que, de forma geral, os indicadores de atividade de janeiro são positivos. A Utilização da Capacidade Instalada (UCI) atingiu 68% em janeiro, por exemplo, após avançar 1 ponto percentual em relação ao resultado de dezembro de 2023. A UCI também está 1 ponto acima da média dos meses de janeiro.

Já a produção industrial e o emprego apresentaram retração em janeiro, como é normal para o período. O recuo, no entanto, ocorreu de forma mais branda do que historicamente ocorre.

O indicador de evolução da produção industrial atingiu 48,4 pontos em janeiro. O resultado abaixo dos 50 pontos indica redução da produção industrial em janeiro frente à produção de dezembro de 2023, mas o índice ainda se encontra 2,1 pontos acima da média dos meses de janeiro, de 46,3 pontos.

Por seu turno, o índice de evolução do número de empregados atingiu 49,4 pontos em janeiro de 2024, indicando redução do emprego industrial diante de dezembro. Porém, o resultado do mês se posiciona 1,5 ponto acima da média histórica dos meses de janeiro, o que significa uma redução mais branda que a usual para o mês.

No cômputo geral, os indicadores de expectativas mostram mais otimismo dos empresários com relação a emprego, exportação e compra de matérias-primas.

O índice de intenção de investimento registrou avanço pelo quarto período consecutivo, e também se encontra em patamar mais elevado que a média histórica do indicador.

Usinagem Brasil © Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.