São Paulo, 30 de junho de 2022

Apoio:

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

11/06/2022

Ergomat comemora 60 anos com novidades

(05/06/2022) – Em 2022, a fabricante de tornos automáticos Ergomat está completando 60 anos. Para comemorar, a empresa está lançando produtos e repaginando e renovando os vários modelos de suas linhas tradicionais. As novidades foram apresentadas no estande da empresa na Feimec 2022.

A principal novidade foi o torno automático de carros múltiplos TBA Next, com passagem para barras de até 65 mm e cinco eixos programáveis para atuação simultânea. O revólver de oito posições, com ferramentas acionadas, montado em um carro cruzado, além dos outros carros porta-ferramentas disponíveis, mescla – de acordo com a empresa – a robustez de um torno universal com a produtividade de um torno automático de carros múltiplos. A máquina é equipada com touch screen de 15”, simulação de usinagem em 3D e programação interativa para conforto de operação.

Outro destaque era o torno automático modelo A25, uma repaginação do A25, que teve a sua primeira versão lançada originalmente em 1937 (projeto da Traub, antecessora da Ergomat). A nova versão apresenta um pacote de acionamento inteiramente novo, com monitor touch screen de 7” para programação e supervisão confortável e segura, com rotações livremente programáveis e velocidades de avanço ajustáveis sem escala.

O torno universal TND 200 também ganhou novo visual. Além disso, ao modelo foi acrescentada a tecnologia CNC com o comando Fanuc 0i-TF Plus, com monitor sensível ao toque de 15”, simulação de usinagem em três dimensões e a facilidade da programação interativa.

As máquinas TNG 32 e TNG 42 também foram remodeladas. Suas bases foram redesenhadas, com maior capacidade de líquido refrigerante e alterações que facilitam a manutenção dos equipamentos. Além disso, a nova carenagem basculante permite o acesso livre – em poucos minutos – à área de trabalho e tanque, facilitando a limpeza e reduzindo o tempo para todos os trabalhos de manutenção e de cuidados preventivos.

“Antes, tínhamos dúvidas de como seria a feira. Tudo foi muito além do que a gente imaginava. Muitos visitantes qualificados em nosso estande. Sem dúvida, foi a feira com a maior volume de visitantes que já fizemos. Este ano estamos completando 60 anos e, por isso, todas as máquinas expostas apresentavam novidades. Além disso, levamos um lançamento”, detalha Tadeu Marcelino, gerente de Vendas Comerciais na Ergomat.

Mercado – Normalmente de 30 a 40% da linha de produtos da Ergomat são destinados à exportação. No começo do ano, essa média foi alterada, com as exportações ficando entre 60 e 70%.  Isso trouxe certa insegurança para a empresa em relação ao mercado nacional. “Em ano eleitoral as coisas podem se tornar um pouco mais instáveis. Mas no pós-feira fechamos muitos negócios, resultado das consultas qualificadas que tivemos durante a Feimec”, diz Marcelino.

De acordo com o gerente, o mercado está superaquecido e a Ergomat tem investido em sua linha de produção, além de realizar planejamentos diários para atender as demandas. “Realizamos reuniões de planejamento de produção todos os dias porque o futuro é muito incerto. Fazemos de tudo para não faltar matéria-prima, não faltar componentes e não alongar os prazos de entrega muito além de 90 dias”, afirma.

No ano passado, a Ergomat dobrou o crescimento de 2021. A meta para este ano é manter o crescimento, já que a empresa “vem em uma crescente constante de vendas”.

Receba notícias
em seu e-mail

Usinagem Brasil © Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.