São Paulo, 26 de junho de 2022

Apoio:

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

28/05/2022

Para o Grupo Alltech, Feimec foi um divisor de águas

(29/05/2022) – Na opinião de Thiago Rigon, diretor comercial do Grupo Alltech, a Feimec foi um divisor de águas em um mercado que estava se acomodando à falta de eventos presenciais. Segundo Rigon, existe uma demanda represada e, por isso, o momento é atrativo para investimentos e atualização do parque fabril.

A empresa levou à feira as suas linhas de máquinas para usinagem, corte e conformação de metais e automação. Entre os produtos expostos estavam centros de usinagem fabricados pela Hartford (modelos SMC-5 e LG-500) e os tornos CNC Okada CLS20 e Takisawa LA200M. Além disso, a empresa apresentou ferramentas e soluções para usinagem com foco em produtividade.

O torno Okada CLS-20 conta com diâmetro máximo de giro (peças do eixo) de 260 mm, comprimento máximo do giro de 450/430 mm, guia linear, faixa de velocidade do fuso de 45-4500 – 35-3500 rpm, potência do motor do eixo de 11/15 kW Fanuc Oi-TF(5) e furo do fuso de 62/87 mm de diâmetro.

O centro de usinagem Hartford SMC-5 possui eixos X, Y e Z de, respectivamente, 500, 400 e 300 mm. Conta com uma área de trabalho de 600 x 400 m e sua mesa suporta cargas de até 250 kg. Traz spindle com motor de 3,5 kW e capacidade de rpm de 10.000, 12.000 e 24.000 rpm. O avanço rápido é de 50 m/min e o avanço de trabalho é de 20 m/min para todos os eixos. Utiliza os comandos Mitsubishi e Fanuc.

De acordo com Rigon, a empresa conseguiu fechar negócios já nos primeiros dias de feira. “O que está pegando um pouco é o prazo de entrega dos equipamentos. O mercado está com prazos muito altos. A vantagem é que temos um bom estoque, que é o nosso diferencial”, diz.

No ano de 2021, o Grupo Alltech cresceu mais de 60%. Para este ano, a intenção é crescer 30%. “Estamos apenas 13% abaixo da meta antes do fechamento do primeiro semestre, o que nos leva a acreditar que cresceremos acima do estipulado. Provavelmente alcançaremos o nosso objetivo no pós-feira”, diz Rigon. “No segundo semestre teremos eleições, o que geralmente causa insegurança para investimentos, mas mesmo assim nós estamos bastante otimistas”.

Receba notícias
em seu e-mail

Usinagem Brasil © Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.