São Paulo, 20 de maio de 2022

Apoio:

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

14/05/2022

Toyoda Koki do Brasil agora é Jtekt

(15/05/2022) – Uma das novidades da Toyoda Koki Máquinas na Feimec 2022 era a alteração de sua razão social: agora a empresa passa a adotar o nome Jtekt, assim como a Koyo Rolamentos, unificando a marca com a fabricante de sistemas de direção, todas integrantes do grupo Toyota Motors. A mudança ocorreu no início de abril.

Ricardo Bortolucci, diretor da Toyoda do Brasil / Jtekt, explica que, na verdade, a fabricante de máquinas já carregava em sua identidade visual o logotipo Jtekt. Além disso, a mudança não provocará outras alterações, já que as operações seguem independentes.

Em termos de produtos, o destaque foi para o centro de usinagem horizontal FH 500J. “Esta é a primeira vez que trazemos este tipo de máquina para uma feira no Brasil”, disse Bortolucci, acrescentando que se trata da máquina mais rápida do mercado em sua categoria, com 60 m/min de avanço, 1 G de aceleração e menos de 1 segundo para troca de ferramentas. Possui motor integrado que permite rotação de até 100 rpm.

Foi desenvolvida para ser aplicada em operações de alta produção, como no caso de autopeças. “A máquina tem como uma de suas principais características a redução dos tempos passivos ou tempos mortos”, informa o diretor, lembrando que uma máquina deste modelo foi vendida durante o evento, para a InterMach, fabricante de peças automotivas de Caxias do Sul (RS). “Esta é a segunda máquina deste modelo que a InterMach compra em menos de um ano”.

O diretor – que considerou a feira surpreendente, tanto no que se refere ao movimento de profissionais como pelo volume de negócios e prospecções que possibilitou – afirma que o mercado se recuperou bem após os primeiros momentos mais difíceis da pandemia. Em sua avaliação, após um recuo no final do ano passado, o mercado brasileiro passou a dar sinais de nova recuperação neste início de ano.

“E neste ponto estamos levando vantagem por ter máquinas para pronta entrega, inclusive máquinas de grande porte”, informa. De acordo com Bortolucci, a Toyoda alcançou um faturamento 80% maior no ano passado do que em 2020. “Nossa expectativa para este ano é a de um aumento de 30% em relação a 2021”, completou.

Receba notícias
em seu e-mail

Usinagem Brasil © Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.