São Paulo, 20 de maio de 2022

Apoio:

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

22/01/2022

Impressão 3D: Belgo produz peça a partir de arame de aço

(23/01/) – A Belgo Bekaert, em parceria com o Centro de Inovação e Tecnologia CIT Senai, produziu a sua primeira peça feita por impressão 3D. O protótipo – em arame de aço projetado para este propósito – é uma roldana de um equipamento de trefilaria que, segundo a Belgo Bekaert, demoraria dias para ser fabricada. Por meio do processo de Manufatura Aditiva por Deposição a Arco (MADA), a peça foi impressa em apenas 24 horas.

Segundo a companhia, com o uso de um modelo tridimensional criado no computador e arame de aço de alta qualidade foi possível chegar a um resultado com as mesmas especificações técnicas da peça obtida pelo método convencional. “A partir de agora, começaremos os testes de uso do protótipo dentro da Belgo e, assim, conseguiremos a comparação de performance da impressão 3D de peças com nosso arame e uma peça convencional”, diz Jeremias Antônio da Silva, gerente de Produtos da Belgo Bekaert.

A solução, que deve otimizar o estoque e o tempo de substituição de peças, é pioneira em Minas Gerais e será testada pela própria Belgo Bekaert, na fábrica de Contagem. “Desenvolver a tecnologia da manufatura aditiva (impressão 3D) a partir do nosso arame como insumo abre uma gama de possibilidades para a indústria como um todo. Tanto para a fabricação de uma peça única com mais rapidez, quanto para uma peça que não está mais disponível no mercado, por ser um modelo já antigo, ou mesmo customizar a peça para algum projeto”, explica o gerente de Inovação de Fronteira Tecnológica da Belgo Bekaert, Glauber Campos.

“O desenvolvimento de arames de aço, em curso, com o processo MADA, pode proporcionar uma nova área de desenvolvimento para a indústria que produz peças em aço, com um custo mais competitivo”, comenta.

MADA – Givan Martins Macedo Júnior, analista de Tecnologia do CIT SENAI, explica que o processo MADA emprega uma nova abordagem para a fabricação de peças, com redução de custos e outras vantagens.

“Na comparação com outros processos tradicionais para a fabricação de peças, já consagrados, o MADA melhora a competitividade e gera novas abordagens da cadeia de manufatura como um todo. Quando faço um componente impresso, gero o produto na forma final que quero, sem desperdício. Posso também combinar diferentes materiais em uma mesma peça”, observa Macedo.

Ainda de acordo com Macedo Júnior, a capacidade de fazer impressão total de materiais gera oportunidades de negócios para as empresas, fomenta a cadeia de manufatura, permite que participem de projetos de forma fracionada e que capacitem pessoas, entre outras possibilidades. Ele lembra que o desenvolvimento de materiais cria potencial para que a empresa cumpra demandas da própria fábrica e, ainda, possa fornecer para vários players.

A Belgo Bekaert investe, desde 2016, em pesquisa e projetos de impressão 3D que utilizam o arame de aço como matéria-prima. Em conjunto com a Universidade Federal de Uberlândia (UFU) a Belgo Bekaert já fez o levantamento das propriedades físicas e metalúrgicas de uma grande gama de arames destinados à impressão 3D. A primeira peça em aço impressa por esta técnica no Brasil foi desenvolvida com arame Belgo para a Petrobras, em parceria com a Universidade Federal de Uberlândia (UFU), consolidando o potencial de desenvolvimento de produtos com elevada resistência.

Receba notícias
em seu e-mail

Usinagem Brasil © Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.