São Paulo, 05 de julho de 2022

Apoio:

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

07/05/2005

Korloy investe no segmento de alta tecnologia

Fabricante de ferramentas de corte sediada na Coréia do Sul, a Korloy Inc. quer ampliar sua participação no segmento de alta tecnologia. A empresa investiu no desenvolvimento de produtos capazes de atender às exigências de resistência e desgaste para aplicações de usinagem com altas velocidades de corte e altas taxas de remoção de materiais. Parte desse esforço vem sendo apresentada ao mercado mundial desde a EMO 2005, em Hannover.

“Só no ano passado, a empresa investiu US$ 25 milhões em equipamentos e na modernização de suas fábricas na Coréia”, diz Hélio Sesso, diretor da Korloy do Brasil. Para exemplificar, lembra que foram adquiridos oito fornos de sinterização, com tecnologia SinterHip. “Além disso, nos últimos três anos a capacidade de produção triplicou”, acrescenta.

Sesso frisa que focar o segmento de alta tecnologia não eqüivale a dizer que a empresa abandonará as linhas convencionais. “A direção mundial decidiu investir mais pesadamente nesse segmento por entender que este nicho é economicamente mais atrativo do que o das linhas ISO, que praticamente se transformou em um tipo de commodity, com preços cada vez menores”, explica. Para o diretor, esse fato obviamente tem prejudicado a rentabilidade de fabricantes e seus distribuidores.

Entre os lançamentos, cita as fresas de alto avanço e alto rendimento para alumínio e ferro fundido cujos corpos são produzidos em dura-alumínio, resultando na redução do seu peso em até 1/3 se comparado aos corpos feitos de aço. “Assim, toda a potência das máquinas é transferida diretamente para as pastilhas resultando em altas taxas de remoção com excelente nível de acabamento superficial”, diz. Para ele, esta a linha é ideal para a usinagem, por exemplo, de blocos de motores automotivos.

Os lançamentos incluem ainda as ferramentas Pro-A Mill, capazes de remover até 15 mm de material e velocidades que podem atingir até 1.000 m/min na usinagem de alumínio. Para usinagem de aços, foram desenvolvidas uma série de fresas especiais HRM, com grande aplicação no setor de matrizaria e modelação, dimensionada para atingir altas taxas de remoção de materiais (entre 0,5 e 3,0 mm), com excelente superfície de acabamento. A linha também está disponível para usinagem de materiais endurecidos entre 30 e 50 HRc, podendo remover até 1 mm por dente com velocidades de 120 m/min.

Outras novidades são as brocas com hastes helicoidais e furos de refrigeração da série SPD / NPD com pastilhas intercambiáveis de 4 arestas, disponíveis nos tamanhos de 13 a 50 mm. Ainda na linha de brocas, lançou linha com pontas intercambiáveis que, segundo o diretor, se destaca pelo exclusivo sistema de travamento, que impede o desprendimento da ponta durante a operação, ao mesmo tempo que facilita a sua substituição.

O diretor destaca ainda os upgrades de algumas classes, caso da NC 6010 para a usinagem de ferro fundido e a PC 8010, para materiais exóticos (inconel, titânio etc.), além das NC 3015, 3020, 3030, 500h. E também as ferramentas do tipo “bedames com dupla face” – nas versões neutro, direito e esquerdo – a partir de 1,5 até 8 mm para corte, cópia, canal e rosca. Algumas dessas novidades serão mostradas na F+M+U – Ferramentaria, Modelação e Usinagem, que se realiza em Joinville, de 2 a 5 de maio.

Sesso acredita que os novos produtos contribuirão para a Korloy do Brasil superar o desempenho do ano passado, quando o faturamento cresceu 27%. “A Korloy Inc. sempre se destacou como um dos líderes mundiais na produção de ferramentas e insertos intercambiáveis de metal duro para torneamento e na usinagem de alumínio. Agora, ganhamos um reforço na área de fresamento, sem contar com as novas classes, inclusive para ferro fundido. O Brasil é um dos cinco maiores produtores mundiais de peças nesse material”, informa o diretor.

Para completar, Sesso lembra que a Korloy do Brasil também vem se preparando para crescer. Nos últimos dois anos, a estrutura foi reforçada, com a ampliação da equipe interna e da rede de revendas (hoje são 50 revendedores, cobrindo todo o território nacional). “Além disso, temos investido em seminários e treinamentos, tanto para a equipe técnica interna quanto para as nossas revendas”, informa.

Receba notícias
em seu e-mail

Usinagem Brasil © Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.