São Paulo, 05 de julho de 2022

31/07/2021

Conheça os principais erros cometidos no corte a plasma


(01/08/2021) – De acordo com a Hypertherm – fabricante de equipamentos para corte (plasma, laser e jato d’água) e de tochas e consumíveis de alta performance – o corte a plasma tem se tornado, cada vez mais, o método mais versátil e com melhor custo-benefício do mercado. Apesar da sua popularidade, alguns problemas são comumente relacionados ao método, como o desgaste de consumíveis.

Embora projetados para resistir a horas de corte com arco, muitas vezes os consumíveis não duram tanto quanto deveriam. A Hypertherm aponta que melhores resultados no corte a plasma podem estender a vida útil de consumíveis em até 50%.

Na opinião de Edson Urtado, gerente de Vendas da Hypertherm, o motivo dessa vida útil reduzida geralmente está ligado a problemas de fácil resolução. “Os problemas frequentemente têm relação com as configurações do CNC, com a mesa de corte ou com a condição da tocha ou dos consumíveis. Corrigindo esses erros, é possível estender a vida útil dos consumíveis em até 50%”, afirma.

Atenta a esses recorrentes problemas, a empresa listou algumas medidas que podem evitar a redução da vida útil dos consumíveis e ajudar na melhoria da qualidade do corte:

Configurações do CNC – Os principais problemas relacionados às configurações do CNC apontados pela Hypertherm são: vazão de gás ou pressão incorreta; velocidade de corte muito rápida ou muito lenta; seleção de processo incorreta para o material e espessura de corte; controle de altura da tocha muito alto ou muito baixo; e tensão do arco sem ajuste.

Consumíveis – Foram listados os seguintes problemas que resultam no maior desgaste de consumíveis: tocha em más condições; consumíveis instalados incorretamente; uso de ferramentas de limpeza erradas; consumíveis gastos colocados de volta na tocha; anéis retentores com excesso ou falta de lubrificação; seleção de consumíveis errados para o trabalho de corte.

Mesa de corte – Aqui foram apontadas as seguintes disfuncionalidades: excesso de escória nas ripas da mesa; aterramento impróprio da mesa e da peça de trabalho.

Receba notícias
em seu e-mail

Usinagem Brasil © Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.