São Paulo, 21 de maio de 2022

Apoio:

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

05/11/2016

Comau instala linha de montagem de motores na FCA

 


(06/11/2016) – A Comau, empresa ítalo-brasileira focada em sistemas de automação, robótica e linhas de produção, desenvolveu a nova linha de produção dos motores Firefly da Fiat Chrysler Automobiles (FCA), na planta de Betim (MG). A linha começou a ser instalada em maio de 2015 e entrou em operação em setembro de 2016, com capacidade para produzir 400 mil motores por ano. Inicialmente, os motores Firefly irão equipar o novo Fiat Uno, mas posteriormente serão incorporados a outros veículos da marca Fiat.

A primeira etapa do projeto consistiu em um processo de engenharia simultânea em que profissionais das duas empresas, Comau e FCA do Brasil e Itália, definiram o processo de fabricação, assim como o conceito da linha de montagem, estações e equipamentos. Em maio de 2014, a Comau deu início aos processos de engenharia nos quais foram projetados os equipamentos que iriam compor a linha. Nessa fase, atuaram líderes técnicos e projetistas da Comau na Itália e Brasil, além de fornecedores de engenharia mecânica e automação.

De acordo com o Gerente de Projetos da Comau Brasil, Eduardo Sousa, esse foi um projeto peculiar, pois a linha precisava ser desenvolvida ao mesmo tempo em que o projeto do motor era finalizado. “O grande desafio enfrentado pela Comau foi projetar a linha de montagem em paralelo à finalização da engenharia do motor. Isso exigiu que os equipamentos fossem concebidos com extrema flexibilidade para absorver qualquer mudança que pudesse haver no produto a ser montado ao longo do projeto.”, explica.

Estrutura – Inteiramente desenvolvida no Brasil, a linha de montagem é composta por dois trechos de transportadores fly-roller de 220 metros de comprimento (montagem do short block e long block) e de outro com 30 metros (pré-montagem do cabeçote). Contando com 460 pallets específicos para diferentes funções. Além disso, foram fornecidos 12 elevadores de sobreposição de linha, 9 sistemas AGV, 54 sistemas de abastecimento flowrack automatizados e 21 sistemas de alimentação de componentes. “Trata-se de uma linha, produzida no Brasil, com alto grau de automação e que vem atender às novas necessidades de produção da FCA”, destaca Sousa.

Cerca de 200 profissionais atuaram na fase de instalação, entre programadores, mecânicos, eletricistas e fluídicos para montagem e try-out dos equipamentos. “Esse é um dos maiores projetos já realizados pela Comau do Brasil para a FCA e nosso objetivo é continuar trabalhando para oferecer soluções inovadoras para o negócio de nossos clientes”, afirma Sousa.

 

Receba notícias
em seu e-mail

Usinagem Brasil © Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.