São Paulo, 23 de Fevereiro de 2020

  • Notícias

    Impressão 3D: MAN reduz em 80% custos com protótipos


    (30/03/2014) - A MAN Latin America produziu mais de 200 peças-protótipo em um ano, após a aquisição de uma impressora 3D. Com a aquisição, a fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e MAN conseguiu reduzir em quase 80% o custo de desenvolvimento de modelos conceituais (mock ups, em inglês) na fase inicial dos novos projetos. Enquanto a produção externa levava algumas semanas, a produção de uma peça pode ser feita internamente em algumas horas.

    “Com o projeto desenvolvido, podemos iniciar a fabricação desses protótipos e rapidamente podemos ter uma peça para as primeiras análises e avaliações. Nossa impressora 3D é mais uma ferramenta para melhoria de projetos de desenvolvimento do produto, minimizando impacto em cronograma e custo”, destaca Rodrigo Chaves, diretor de Engenharia da MAN Latin America.

    Quanto mais tardia é a alteração, maior é seu impacto, como explica André Bogdan, supervisor da área de Protótipos. “A identificação de um eventual ajuste nessa fase inicial chega a custar apenas 10% do que seria caso isso só fosse levantado na etapa tradicional de protótipos”, afirma.

    Com esse processo bastante simplificado, é possível trabalhar ainda múltiplos projetos simultaneamente, com cronograma enxuto. As peças confeccionadas pelo processo de manufatura aditiva servem para a validação de modelos conceituais, assim como para a avaliação de sua montagem e acessibilidade.


    Voltar