São Paulo, 24 de Junho de 2021

  • Notícias

    Simec investirá US$ 300 mi em Pindamonhangaba


    (06/06/2021) - O grupo siderúrgico mexicano Simec deverá investir US$ 300 milhões, equivalentes a cerca de R$ 1,6 bilhão, no projeto de expansão da usina que mantém na cidade de Pindamonhangaba (SP).

    A intenção do grupo é dobrar a capacidade de reciclagem da usina, de 625 mil t/ano para 1,25 milhão t/ano, o que possibilitará à unidade também dobrar a sua produção de aços longos, principalmente vergalhões em barra e rolo e fios máquina, hoje em torno de 500 mil t/ano.

    De acordo com a empresa, a previsão de início das obras é já para este ano, o que possibilitaria o início da nova capacidade produtiva em 2023. Para a fase de obras, a expectativa é que sejam gerados 3 mil empregos temporários. Depois que a expansão estiver pronta, deverão ser criados novos 750 empregos diretos.

    O grupo anunciou o investimento no último dia 27 de maio, após reunião de parte de sua diretoria como o prefeito de Pindamonhangaba, Isael Domingues, e a equipe econômica da prefeitura.

    Para o prefeito, o investimento do Grupo Simec é um passo ousado da companhia que irá gerar melhorias nos índices de emprego e renda do município, com o aumento no repasse de ICMS e as contrapartidas sociais: “O anúncio da expansão da usina vem num momento importante para a cidade, que está trabalhando muito para fomentar ainda mais o crescimento der sua economia”.

    O Grupo Simec começou a surgir em 1969, no México, quando um grupo de famílias da cidade de Guadalajara fundou a Companhia Siderúrgica de Guadalajara. A companhia teve grande crescimento no correr das décadas, sendo, atualmente, uma das líderes na produção de aços especiais na América do Norte, onde opera oito unidades no México, sete nos Estados Unidos e uma no Canadá.

    A empresa anunciou sua chegada ao Brasil em 2011, quando adquiriu uma área para a construção da usina em Pindamonhangaba, cujas operações foram iniciadas em 2015.

    Além desta unidade no estado de São Paulo, o Grupo Simec mantém duas outras duas plantas no país, no Espírito Santo, na cidade de Cariacica, e em Minas Gerais, no município de Itaúna A empresa atende principalmente os mercados industriais das regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste.