São Paulo, 18 de Janeiro de 2022

  • Notícias

    Metodologia Lean alavanca retomada na Meritor Brasil


    (16/05/2021) - Produtora de eixos e sistemas de drivetrain para veículos comerciais, a Meritor Brasil alcançou no mês de março um volume de vendas cerca de 30% maior do que o registrado no período pré-pandemia.

    Segundo a empresa sediada em Osasco, na Grande São Paulo, o processo de retomada, que se tornou mais visível na virada do ano, deve-se não só à melhora do mercado automotivo em geral, mas também ao seu modelo de gestão, baseado desde o começo dos anos 2000 na Metodologia Lean (ou “metodologia enxuta”).

    “Pudemos atender o aumento da demanda potencializando os volumes de produção, mas isso só foi possível graças à evolução que conseguimos em nossas práticas e processos, todas elas ancoradas nos métodos Lean”, explica Reginaldo Vilela, gerente de Engenharia Senior de Manufatura, Industrialização e Segurança e Meio Ambiente da Meritor Brasil.

    De acordo com Vilela, a Metodologia Lean hoje já é parte integrante da cultura da empresa. Baseada na melhoria permanente dos métodos de gestão e na modernização dos processos produtivos - com a implementação contínua de projetos de produtividade -, o sistema tem elevado o nível de automação da planta ao mesmo tempo que minimiza desperdícios de tempo e de recursos financeiros.

    A metodologia foi implantada na década de 2000 por meio um programa chamado inicialmente de AMPS (ArvinMeritor Performance System), direcionado para todos os sítios da companhia, que no Brasil, além de operar em Osasco, é integrante do parque de fornecedores da VW Caminhões e Ônibus em Resende (RJ).

    Ao longo dos anos, cada planta aperfeiçoou suas práticas, aplicando os métodos Lean de acordo com as características da operação e região, mas sempre alinhada com os fundamentos do sistema.

    Um dos principais diferenciais da Metodologia Lean é a gestão visual do chão de fábrica, que permite acompanhar de forma eficiente os processos e resultados e focar na melhoria contínua, a aplicação dos conceitos 5S e a realização frequente de eventos Kaizens (ciclos de melhoria contínua).

    A metodologia também promove o desenvolvimento das equipes e o surgimento de ideias para novos projetos de modernização, melhoria e automação dos processos fabricação.

    Investimento - A Meritor Brasil investiu na ampliação e na modernização da capacidade do Laboratório de Ensaios Mecânicos (LEM) da planta de Osasco (SP). Entre as novidades estão o dinamômetro Four Square de 350hp, um novo módulo de bombas e um moderno sistema de monitoramento, que, em conjunto, proporciona mais recursos na inserção de parâmetros capazes de contribuir com o trabalho de engenharia no desenvolvimento e validações.

    “Todos os produtos da Meritor Brasil, sejam novidades ou atualizações, são submetidos a testes severos no LEM para validação e confirmação dos resultados, principalmente se tratando de diferenciais e carcaças”, diz Armando Stefani, engenheiro de Produto Senior da Meritor Brasil. “Hoje, temos estrutura completa para testarmos os nossos produtos e as demandas mais exigentes para comprovação da performance em campo”.