São Paulo, 24 de Fevereiro de 2021

  • Notícias

    Nidec compra a Mitsubishi Heavy Industries Machine Tool


    (21/02/2021) - A Nidec Corporation - grupo japonês que há três anos comprou a Embraco - adquiriu a Mitsubishi Heavy Industries Machine Tool neste início de fevereiro. Segundo a empresa, o objetivo é o de utilizar a tecnologia da MHI em máquinas e ferramentas para a produção de partes e componentes de motores elétricos, em especial as caixas de engrenagens.

    “A Nidec está ativamente envolvida na fabricação, vendas e serviços associados de caixas de engrenagens de redução e prensas por meio de sua subsidiária, Nidec Shimpo Corporation. Após a conclusão da aquisição, a Mitsubishi Heavy Industries Machine Tool se tornará o terceiro negócio principal da Nidec-Shimpo”, diz o comunicado da empresa.

    “Além disso, esperamos utilizar a tecnologia da máquina-ferramenta da Mitsubishi Heavy Industries em nosso plano futuro de internalização”, continua o comunicado, explicando que a Nidec espera aumento na demanda por E-Axle, a unidade de tração de veículos elétricos na qual a empresa está mais focada no momento. “Assim, como pretendemos ampliar as vendas deste produto - que combina um motor, um inversor e um redutor -, é imperativo que fortaleçamos a capacidade de fabricação de engrenagens, o componente central da unidade de tração”.

    A Nidec destaca ainda que a aquisição será um importante reforço com a atração de profissionais experientes da Mitsubishi Heavy Industries dedicados ao desenvolvimento de engrenagens e com altas habilidades tecnológicas, em linha com a estratégia do Grupo para a unidade de tração de veículos elétricos.

    A Mitsubishi também divulgou comunicado de imprensa, onde esclarece que a transação faz parte do realinhamento contínuo do portfólio da MHI e concentra-se em aumentar o crescimento e a lucratividade em seus negócios. O Plano de Negócios de Médio Prazo 2021 da MHI informa que a empresa planeja aumentar seu valor corporativo por intermédio de soluções tecnológicas relacionadas à Transição de Energia e Nova Mobilidade e Logística.

    A transação - que tem conclusão prevista para maio de 2021 - inclui as três fábricas que a MHI mantém fora do Japão, assim como as nove subsidiárias comerciais mantidas no exterior.

    A divisão de máquinas-ferramenta da MHI tem mais de 80 anos de história. A produção está concentrada em três linhas de produtos principais: máquinas-ferramentas, incluindo máquinas de engrenagens, centros de usinagem verticais de alta velocidade e alta precisão com resfriamento interno do fuso adequado para matrizes e moldes e máquinas de grande porte (fresadoras portais etc.); máquinas de corte a laser, incluindo impressoras 3D e wafer bonding machines (para a produção de semicondutores), além de ferramentas de precisão, incluindo fresas e brocas etc.