São Paulo, 13 de Agosto de 2020

  • Notícias

    Ponta Grossa deve ganhar 2ª fábrica de caminhões em 2020


    (15/12/2019) - Ponta Grossa, município localizado no Centro-Leste do Paraná, com cerca de 350 mil habitantes, deve ganhar sua segunda fábrica de caminhões em 2020. Desde 2013 sede da holandesa DAF, do Grupo Paccar, a cidade agora aguarda uma definição da Tatra Motors, da República Checa, fabricante de caminhões off-road, voltados para as áreas de defesa, construção, mineração, agricultura, óleo e gás e também de uso militar.

    Representantes da empresa estiveram no Estado em três ocasiões ao longo de 2019, a mais recente no início de dezembro, mas ainda não houve a assinatura de um protocolo de intenções. De acordo com a Prefeitura Municipal de Ponta Grossa, ainda não há previsão para a assinatura de um termo de compromisso, já que a multinacional está em processo de formalização do local onde vai se instalar, mas dá como certo que as obras devem ser iniciadas no próximo ano.

    José Loureiro, secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional da Prefeitura de Ponta Grossa, aponta que são vários os fatores que diferenciam o município e o tornam atrativo para novos investimentos, como o da Tatra Motors: “Ponta Grossa é reconhecida como um importante polo industrial e, nos últimos anos, mais de 45 novas indústrias se instalaram no município. Está localizada em um dos principais entroncamentos rodoferroviários do país e conta com o Porto de Paranaguá e um aeroporto em suas proximidades.”

    Além disso, no mesmo município está localizada a DAF Caminhões, que detém 19% do capital acionário da Tatra. Inclusive, muitas das peças utilizadas pelos caminhões e veículos da Tatra no continente europeu (conjuntos ópticos, cabines, motores etc.) são originárias da DAF. 

    O Usinagem-Brasil esteve em contato com representantes da Tatra Motors no Brasil, mas a empresa prefere aguardar o início de 2020 para divulgar informações sobre a planta brasileira (investimento, capacidade de produção, tamanho etc.), que ainda está em fase de estruturação. Segundo a companhia, até o momento a única informação definida é de que a fábrica será em Ponta Grossa.

    Inovação e desenvolvimento – Conforme informado pela Prefeitura de Ponta Grossa, a Tatra Motors também estaria interessada em participar de projetos de inovação e desenvolvimento do município, como “A Cidade do Conhecimento e Inovação”. Em fase de implantação, o projeto tem o objetivo de posicionar a cidade entre as protagonistas - em termos de inovação, tecnologia, competitividade e desenvolvimento – no Paraná e no Brasil. A iniciativa está sendo desenvolvida pela Universidade Federal Tecnológica do Paraná (UTFPR), Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Instituto Federal do Paraná (IFPR), Prefeitura de Ponta Grossa (PMPG) e Sebrae.

    A implantação do projeto converge com o mapeamento do ecossistema de inovação de Ponta Grossa, realizado em 2018, que identificou quatro setores estratégicos para o município: agronegócio, químico e materiais, mecatrônica e tecnologias da informação e comunicação (TIC).