São Paulo, 16 de Fevereiro de 2019

  • Notícias

    Indústria automotiva tem melhor janeiro desde 2015


    (10/02/2019) - Um total de 199,8 mil veículos automotores foi comercializado no país em janeiro deste ano, o que representa crescimento de 10,2% na comparação com janeiro do ano passado, quando 181,3 mil unidades foram licenciadas. De acordo com a Anfavea, foi o melhor desempenho do setor em um mês de janeiro desde 2015.

    Já na comparação com as 234,5 mil unidades vendidas em dezembro de 2018, houve queda de 14,8%. Mas, para Antonio Megale, presidente da Anfavea, este já era um resultado esperado pela indústria.

    “Apesar de termos mais dias úteis em janeiro do que em dezembro, já imaginávamos que teríamos esta baixa, devido à sazonalidade do mercado. O fim do ano é tradicionalmente mais aquecido”, explica Megale. “O importante é que iniciamos o ano com uma alta em todos os segmentos, o que é bastante animador”.

    Já a produção de veículos, com 196,8 mil unidades fabricadas em janeiro deste ano, registrou baixa de 10% em relação as 218,7 mil de janeiro de 2018, mas, na comparação com dezembro do ano passado, cuja produção foi de 177,5 mil unidades, houve aumento de 10,9%.

    Só as exportações foram mal, como também era previsto, já que as vendas à Argentina - nosso principal parceiro comercial - seguem em baixa. Foram exportadas 25 mil unidades neste início do ano, diminuição de 46% frente as 46,4 mil do mesmo período de 2018. Contra as 31,7 mil de dezembro do ano passado, o setor registrou decréscimo de 21,1%.

    Entre os destaques estão as vendas de veículos comerciais e máquinas agrícolas e rodoviárias. No caso dos caminhões, com 7,0 mil unidades comercializadas, o aumento foi de 53,2% na comparação com as 4,6 mil de janeiro do ano passado e queda de 8,5% na comparação com dezembro. A produção somou 6,8 mil caminhões, 1,6% acima do volume registrado em janeiro de 2018 e 7,7% abaixo de dezembro.

    Foram vendidos 1,6 mil chassis de ônibus em janeiro, expansão de 88,4% no confronto com as 848 unidades vendidas em janeiro do ano passado. Mesmo na comparação com dezembro de 2018 - que registrou a venda de 1,5 mil ônibus - o resultado foi positivo, 9,1% maior. A produção de chassis para ônibus ficou estável, com 1,9 mil unidades em janeiro deste ano, igual à do mesmo mês do ano passado.

    As máquinas agrícolas e rodoviárias também venderam de maneira bastante satisfatória no primeiro mês de 2019, ficando em 2,6 mil unidades, quantidade superior em 64,5% quando comparada com as 1,6 mil de janeiro de 2018, embora 40,1% inferior às vendas de dezembro, que somaram 4,4 mil unidades. Já a produção de máquinas agrícolas e rodoviárias, 2,8 mil unidades agora em janeiro, cresceu 3,5% ante as 2,7 mil de janeiro de 2018 e diminuição de 49,2% na análise contra o resultado de dezembro, que fechou com 5,5 mil unidades fabricadas.


    Voltar