São Paulo, 27 de Junho de 2019

  • Produtos

    Usinagem: como otimizar a produção na Indústria 4.0


    (16/12/2018) - Em uma era em que falar sobre manufatura inteligente, a Internet das Coisas e Big Data está na agenda, cada solução projetada para melhorar e otimizar processos de produção e negócios pode ser uma contribuição valiosa para alcançar o paradigma da Indústria 4.0. Isso se aplica, por exemplo, a maquinário, tecnologias de produção e software de gerenciamento, mas também se aplica à organização e gerenciamento de ferramentas, principalmente ferramentas de corte.

    E é justamente nessa área que nasce a proposta da Iscar para contribuir para uma melhor gestão de recursos na fábrica e, assim, dar mais um passo em termos de otimização de fluxos de trabalho, com um sofisticado sistema de gerenciamento de ferramentas: Matrix, que combina um inovador gabinete automático de ferramentas com um poderoso software - Matrix ™ - para o seu gerenciamento, capaz de armazenar e processar enormes quantidades de dados coletados e, com base neles, fornecer respostas específicas para as diferentes necessidades do ciclo de produção.


    Mas, na prática, como funciona o Matrix e que benefícios oferece?

    O acesso a cada item armazenado em cada compartimento é controlado eletronicamente pelo software de gerenciamento com base em permissões predefinidas. O sistema proposto pela Iscar permite reduzir significativamente o tempo e os recursos necessários para o gerenciamento de ferramentas, não apenas graças à automação e simplificação da maioria dos processos, mas também graças à possibilidade de acessar e utilizar a grande quantidade de dados coletados no banco de dados do sistema. O uso de gabinetes automáticos para gerenciamento de ferramentas possibilita o controle de custos e estoques na melhor das hipóteses, precisamente porque o sistema é capaz de rastrear todos os movimentos das ferramentas e seu consumo, otimizando assim o tempo e evitando o tempo de máquina parada.

    Ideal para uso em fábricas de diferentes portes, o Matrix possui uma rápida curva de aprendizado, graças à sua interface intuitiva e de fácil manuseio.


    CUSTOMIZADO - Para oferecer a melhor solução para cada necessidade específica, a família Matrix consiste em várias opções. O Matrix Maxi e o Mini, por exemplo, são distribuidores automáticos de ferramentas, ideais para o armazenamento modular de recursos de produção com acesso controlado a todas as posições; a primeira, em particular, é caracterizada por uma grande capacidade comparada a um tamanho relativamente pequeno, enquanto a última pode ser movida para qualquer lugar graças às suas pequenas dimensões que permitem um bom manuseio.

    O Matriz DLS 4D e 8D, por outro lado, são gabinetes, respectivamente, de 4 e 8 gavetas trancadas eletronicamente e configuráveis para se adaptarem de forma otimizada a diferentes conteúdos, graças aos separadores móveis fornecidos. O modelo 4D, em particular, pode ser colocado na fábrica sob o Mini Matrix, para economizar ainda mais espaço.

    Para o gerenciamento e controle de insertos ou pequenos objetos, a Iscar propõe o Matrix ToolPort. Através do uso de gavetas e compartimentos controlados eletronicamente, torna o conteúdo acessível de maneira simples, confiável e organizada.

    Vice-versa, para o gerenciamento de ferramentas maiores, a família Matrix fornece o Matrix WIZ.


    INSTRUMENTOS ESSENCIAIS - Além das máquinas automáticas de gerenciamento de ferramentas, a família Matrix também consiste em uma série de ferramentas complementares, cada uma das quais oferece uma contribuição essencial em termos de economia de tempo e custos no gerenciamento de ferramentas.

    Para acompanhar cada ferramenta em cada momento, o sistema Matrix RTLS fornece uma ferramenta que, usando as tecnologias RFID e BLE, permite que os recursos de produção sejam identificados em tempo real, reduzindo ao mínimo os tempos mortos necessários para pesquisa pelo operador.

    Já o Matrix Android permite o acesso ao sistema de gerenciamento de ferramentas diretamente de dispositivos móveis.

    Finalmente, o Matrix Pouch garante que apenas as ferramentas certas sejam selecionadas para cada operação de usinagem. Esta ferramenta pode ler um chip Balluff no corpo da ferramenta e transmitir dados de forma transparente para o Matrix.


    Para saber mais: http://www.ctms-imc.com/index.php/br/home-brazil/ ou contate um especialista Matrix através do e-mail: matrixbr@iscar.com.br.

    (*) Publicado em Open Factory, edição de julho/agosto de 2018.


    Voltar