Publicação exclusiva do site Usinagem Brasil
www.usinagem-brasil.com.br

Toyota conclui projeto de revitalização da fábrica do ABC


(15/08/2017) - A Toyota promoveu, na última sexta-feira, evento para comemorar a conclusão do projeto de revitalização da fábrica do ABC, batizado de São Bernardo ReBorn. No total, o projeto exigiu investimento de R$ 70 milhões, sendo R$ 5 milhões na terceira etapa da revitalização, com a inauguração do Centro de Visitas, “o de maior conteúdo tecnológico em todo o mundo”, segundo a montadora.

“Nosso Centro de Visitas é a terceira etapa do projeto São Bernardo ReBorn, pensado para revitalizar a primeira planta da Toyota fora do Japão. Em 2015, trouxemos a nossa sede administrativa e comercial para cá e, em 2016, inauguramos aqui o primeiro Centro de Pesquisa Aplicada da América Latina”, disse Steve St. Angelo, CEO da Toyota para América Latina e Caribe. “Agora, estamos abrindo nossa casa e nossa história à sociedade. Queremos que esta sede se integre à nossa comunidade local oferecendo um espaço aberto que celebra o passado, demonstra o presente e apresenta o futuro da Toyota no Brasil”.

Em um espaço de 750 m², o Centro de Visitas da Toyota levará os participantes a uma viagem pela história da empresa. O espaço de exposição conta com unidades comemorativas dos veículos produzidos pela montadora, como o último Bandeirante, produzido em 2001. Modelos como Corolla e Etios, atualmente em produção na fábrica de Sorocaba (SP), também compõem a exposição, assim como o motor do Etios, fabricado na unidade de Porto Feliz (SP), inaugurada em 2016.

No local, maquetes reproduzem uma das linhas de produção da companhia, permitindo que os visitantes vivenciem a experiência de montar um veículo da marca de forma totalmente interativa. Conceitos do TPS - Sistema Toyota de Produção - também são explorados no espaço, por meio de jogos lúdicos que ensinam seus principais pilares.

Projeto São Bernardo ReBorn - O projeto de revitalização da planta do ABC foi dividido em três fases. A fase inicial, entregue em março de 2015, consistiu na transferência da sede administrativa e comercial da empresa de São Paulo para o ABC Paulista, abertura do terceiro turno na forjaria e incorporação do conceito Ecofactory (reuso de água de chuva, instalação de painéis solares, entre outras iniciativas ambientais).

A segunda etapa, concluída em agosto de 2016, foi a inauguração do primeiro Centro de Pesquisa Aplicada da marca na América Latina, concebido para integrar atividades relacionadas à pesquisa e desenvolvimento de novos produtos e fornecedores. Ali, foram alocados os departamentos de Engenharia, Compras, Regulamentação Veicular e Qualidade Assegurada, permitindo maior interação e sinergia entre as áreas para constituição de futuros projetos, bem como para um alinhamento ainda mais ágil e preciso na tomada de decisões. Nas novas instalações foi construído, ainda, um centro de design de produto da marca. Neste centro, por exemplo, nasceram as edições especiais Corolla Dynamic e Etios Ready, lançadas no mercado no ano passado.

A unidade do ABC Paulista é responsável por produzir peças para os modelos Corolla e Etios comercializados no Brasil e exportados para a América Latina, além de deter expertise, por meio de sua forjaria, na fabricação de bielas e virabrequins que equipam os motores de Camry e Corolla produzidos nos EUA. Atualmente, a planta da Toyota no Grande ABC emprega cerca de 1.400 colaboradores divididos em três turnos de trabalho.