São Paulo, 23 de Fevereiro de 2020

  • Eventos

    Makino levará quatro novidades à Feimafe 2017

    (30/04/2017) - A Makino, fabricante de máquinas de origem japonesa, preparou quatro novidades para ser apresentadas em seu estande na Feimafe 2017, que será realizada de 20 a 24 de junho, no Expo Center Norte, em São Paulo. Serão dois centros de usinagem e duas máquinas de eletroerosão.

    Entre as novidades, o a40, o primeiro e único centro de usinagem horizontal construído para usinar peças de materiais não-ferrosos, ideal para a produção de peças de alumínio injetado. “Para lidar com a questão do tempo de ciclo, a Makino reavaliou cada uma das principais peças fundidas, utilizando o conceito de design ROI Inteligente [Redução de Inércia]. O novo projeto construtivo da máquina proporciona superioridade linear, agilidade radial e aceleração”, explica Carlos Eduardo Ibrahim, gerente-geral da Makino no Brasil.

    O a40 dispõe de um pallet de 400 mm, com capacidade de peça de 630 mm de diâmetro e 900 mm de altura, tornando-se uma plataforma ideal para peças de fundidos moldados usinadas comumente nas indústrias automotiva e de produtos de consumo. Os cursos da máquina alcançam 560 mm, 640 mm e 640 mm respectivamente nos eixos X, Y e Z. A carga útil máxima é de 400 kg. Além disso, o a 40 oferece inúmeros recursos para melhor utilização e redução do tempo de não-corte. Já o trocador automático de ferramentas de 40 posições e um sistema automático de mudança de pallets garantem o funcionamento ininterrupto.

    5 EIXOS - Outro destaque no estande é o centro de usinagem horizontal N2-5XA de 5 eixos, projetado para a produção de pequenas peças. Este modelo integra a nova plataforma N2, solução compacta de alta produtividade e que exige menos que 2,4 m² de espaço de chão de fábrica (incluindo tanque de fluído refrigerante e transportador de cavacos).

    Os movimentos do 4º e 5º eixos possuem acionamento direto (Built in) e estão ancorados em uma carcaça rígida trunion, proporcionando acessibilidade ideal em todas as faces da peça de trabalho, além de melhorar a qualidade e o rendimento das operações.

    O spindle HSK-40A de 20.000 rpm acelera a rotação máxima em apenas 0,8 segundo. Este eixo trabalha em conjunto com o eixo Z com aceleração de 1.4G, para produzir com rapidez e precisão as peças com geometrias complexas comuns em componentes de implantes médicos, aeroespacial, automobilístico e autopeças em geral.

    O N2-5XA pode trabalhar peças cilíndricas de até 300 mm com altura até 270 mm e peso até 30 kg. Quatro bicos direcionam o líquido refrigerante diretamente para a zona de corte, garantindo uma refrigeração eficiente e melhor qualidade das peças.

    ELETROEROSÃO - Na linha de máquinas de eletroerosão são dois destaques: a EDAF2 RAM, de eletroerosão por penetração, que traz como grande novidade o sistema de programação on-board da Makino, e a U3, de eletroerosão a fio, voltada à fabricação de moldes de plásticos, estamparia de matrizes e de peças de alta precisão.

    Ibrahim destaca que a EDAF2 RAM tem obtido grande sucesso nas feiras internacionais em que foi apresentada nos últimos meses. O equipamento conta com novo projeto mecânico, que aumentou a sua rigidez, ao mesmo tempo em que reduziu a distorção térmica, especialmente em máquinas instaladas em ambientes não controlados ou utilizadas ao longo de longas horas de produção autônoma.

    A série EDAF é equipada com a mais sofisticada tecnologia de monitoramento de abertura de faísca e prevenção de arco disponível atualmente no mercado mundial. A nova tecnologia ArcFree da Makino ajuda a evitar correntes contínuas destrutivas no arco, que normalmente levam a procedimentos de limpeza demorados ou ao desgaste das peças. Com a tecnologia ArcFree, os fabricantes podem queimar qualquer aplicação de maneira totalmente autônoma e livre de preocupações. Mesmo aplicações com geometria desfavorável para o trabalho do eletrodo podem ser iniciadas facilmente com elevada densidade de corrente, com resultados impecáveis.

    A série EDAF inclui o Makino Program Generator (MPG), o novo sistema de programação on-board da Makino. “Esse avançado sistema é destinado a tornar o controle da máquina mais amigável, ao mesmo tempo em que gera um modelo de planos mais agressivo, para atender às demandas dos prazos de entrega mais curtos”, diz Ibrahim, frisando que o sistema permite que até operadores inexperientes sejam capazes de gerar rotinas de eletroerosão eficientes e seguras. O MPG também permite a programação de múltiplos eletrodos e vários locais de queima.

    Já a U3, de eletroerosão a fio, incorpora recursos e tecnologias que reduzem ainda mais as necessidades de consumo de fio e de manutenção. O revolucionário sistema de controle de Hiper-i oferece funções intuitivas, interativas e inteligentes que aumentam a produtividade e reduzem a carga de trabalho do operador. “A máquina conta com manuais de bordo eletrônicos, procedimentos de manutenção e sistema de treinamento em vídeo, os operadores têm todos os recursos que necessitam para obter o máximo rendimento da Makino EDM a fio U3”, informa Ibrahim.

    Além disso, é equipada com nova tecnologia de corte, chamada HyperCut, que garante precisão superior às peças e ao acabamento de superfície. Outra vantagem competitiva é na velocidade do corte, com economia de custos: a U3 é capaz de produzir um acabamento de superfície de 3µmRz com apenas três passos de usinagem, o que representa redução de 20% no tempo do ciclo e de 14% no consumo do fio, quando comparado às tecnologias anteriores.

    16ª FEIMAFE - Feira Internacional de Máquinas-Ferramenta e Sistemas Integrados de Manufatura

    Data: de 20 a 24 de junho de 2017 - de 3ª a 6ª das 11h às 20h / sábado das 9h às 17h

    Local: Expo Center Norte - R José Bernardo Pinto, 333 - São Paulo

    Mais informações: www.feimafe.com.br


    Voltar