São Paulo, 24 de Março de 2019

  • Notícias

    Correias Mercúrio investe R$ 100 milhões em nova fábrica


    (30/08/2015) - A Correias Mercúrio irá investir R$ 100 milhões na instalação de uma fábrica no Distrito Industrial de Marabá, no estado do Pará. Com a nova unidade, a empresa - que está comemorando 70 anos de atividades - pretende consolidar sua liderança no mercado nacional e expandir a atuação na América do Sul.

    “Estamos colocando em prática um plano estruturado de crescimento e internacionalização, que passa pela consolidação da nossa liderança no mercado nacional e penetração no mercado sul-americano”, explica Fausto Bigi, CEO da Correias Mercúrio. “A unidade de Marabá tem importância fundamental para o aumento da nossa capacidade produtiva, eficiência no relacionamento com clientes e crescimento”.

    Líder do mercado brasileiro, a Correias Mercúrio, fornece mais de 16 mil toneladas de correias transportadoras ao ano no mercado brasileiro e sul-americano - a nova unidade será instalada em área de 100 mil m² e terá capacidade de produção de 7 mil t/ano. Os produtos são projetados e fabricados sob medida, atendendo mais de 40 segmentos de mercado, com destaque para as áreas de mineração, siderurgia, construção e agrícola.

    Em 2016, após a inauguração da fábrica de Marabá, a matriz em Jundiaí (SP) irá direcionar sua produção também ao mercado internacional. Também a partir de 2016, a empresa contará com novo centro de distribuição e logística, com o objetivo de dar maior agilidade ao escoamento da produção da unidade paulista.

    Para atender aos objetivos de internacionalização dos negócios, a Mercúrio implantou área de exportação voltada ao mercado sul-americano, com foco especial no Chile, país estratégico para a penetração no mercado internacional - trata-se do segundo maior mercado minerador da América do Sul, atrás apenas do Brasil, e o maior produtor mundial de cobre. A empresa já conta com escritório em Santiago, com equipe de profissionais locais e suporte técnico imediato para os clientes da região.


    Voltar